Foto: Ueslei Marcelino/Reuters)

O ex-presidente Michel Temer foi preso na manhã desta quinta-feira (21) por membros da força-tarefa da Operação Lava Jato. De acordo com as investigações, Temer seria chefe de uma organização ciminosa que atua no Rio de Janeiro há 40 anos. O juiz Marcelo Bretas, que autorizou a prisão, disse que deu a ordem para evitar a destruição de provas.

Além de Temer, também foram presas outras nove pessoas. Entre elas estão o ex-ministro Moreira Franco e o coronel João Baptista Lima Filho. Entre os destaques desta quinta, também estão o estado de greve declarado por professores da Universidade do Estado da Bahia (Uneb) e a chuva que atingiu a capital baiana, que deve durar até o fim de semana.

 

Fonte: Bahia Notícias

Compartilhar :

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor digite seu nome aqui