“A PM pediu e a população de Campo Formoso atendeu”. Com essas palavras o MAJOR PM ÂNGELO comemora os resultados positivos da operação TOQUE DE RECOLHER que superaram as expectativas da corporação, pois as ruas ficaram completamente desertas, tanto na sede como no interior do município.


Para o oficial o “FIQUE EM CASA” foi a REGRA durante 7 noites seguidas, das 18hs às 05hs, iniciada na última segunda-feira 13/7. Ainda segundo o militar a PM e a comunidade de Campo Formoso “marcharam” juntas nessa batalha que certamente será vitoriosa contra o novo coronavírus.

O comandante da 54 CIPM adverte porém, que a PM vem registrando um aumento no número de ocorrências de perturbação do sossego alheio na cidade, e que segundo este tal situação é um “efeito colateral” do isolamento social, pois uma minoria de pessoas permanecem nas suas residências, mais resolvem fazer “regues” combinando bebidas alcoólicas e som alto, uma “mistura” que pode ser “fatal” em tempos de contágio pelo COVID-19, além de criminosa, no caso de incomodar o sossego dos vizinhos.

O MAJOR PM ÂNGELO enfatiza que a PM está sendo rigorosa no COMBATE À POLUIÇÃO SONORA em Campo Formoso, através da OPERAÇÃO “PSIU” (Paz e Silêncio Urbano), destacando que a perturbação do sossego alheio é ILEGAL, sendo que na última sexta feira 17/7, em pleno toque de recolher, um equipamento sonoro foi apreendido no loteamento “minha casa minha vida” tendo sido encaminhado posteriormente para a delegacia de polícia civil, que certamente adotará as providências legais cabíveis em desfavor da proprietária do referido material de sonorização.

O policial militar finaliza agradecendo a cada um dos seus comandados que se esforçam ao máximo para cumprir bravamente a nobre missão de servir e proteger a população Campoformosense.

Fonte/fotos: Ascom 54ª CIPM

Compartilhar :

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor digite seu nome aqui

18 + treze =