Foto: Reprodução/ Blog Carlos Britto

Decisão do Tribunal Regional Eleitoral da Bahia, publicada nesta segunda-feira (23), indeferiu o registro de candidatura de Carlos Brasileiro, mantendo suas punições.

Com essa decisão, caso fosse eleito, Carlos Brasileiro, não seria diplomado e não assumiria a prefeitura municipal. Mas, ainda cabe recurso ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Fonte: blogdowalterley

Compartilhar :

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor digite seu nome aqui

cinco − quatro =