Foto: Divulgação / EC Bahia

O Bahia acionou o Ministério Público Estadual para acompanhar as investigações do ataque ao ônibus do clube ocorrido na última quinta-feira (24). De acordo com informações do ge.globo, o MPE confirmou a representação por parte do clube.

“A representação será distribuída a um promotor de Justiça, com o objetivo de acompanhar as investigações policiais em andamento e para adoção de eventuais medidas legais que se façam necessárias”, diz a nota.

O veículo do clube foi atingido por bombas caseiras na Avenida Bonocô, próxima da Arena Fonte Nova. Alguns jogadores se feriram com estilhaços e o mais atingido foi o goleiro Danilo Fernandes, que precisou ser internado em um hospital.

Depois de análise das câmeras da região, foram identificados e apreendidos dois veículos envolvidos. Um deles pertence a Half Silva, presidente da Torcida Organizada Bamor. Ele prestou depoimento e negou participação no atentado. Até o momento, sete pessoas foram ouvidas. O autor do lançamento das bombas não foi definido.

 

Bahia Notícias

Compartilhar :

Comentar com Facebook

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor digite seu nome aqui