O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Bahia (IFBA) vai receber R$ 4,1 milhões como parte da emenda impositiva da bancada baiana na Câmara dos Deputados, na ação intitulada Fomento a Pesquisa, Extensão e Inovações nas Instituições de Ensino de Educação Profissional e Tecnológica no Estado da Bahia. A informação foi recebida pela Reitoria do IFBA por meio de ofício encaminhado pelo deputado Marcelo Nilo, coordenador da bancada da Bahia na Câmara. O valor é composto por recursos das cotas de bancada de oito parlamentares baianos (ver quadro). A bancada da Bahia na Câmara é composta por 39 deputados(as).

O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Bahia (IFBA) vai receber R$ 4,1 milhões como parte da emenda impositiva da bancada baiana na Câmara dos Deputados, na ação intitulada Fomento a Pesquisa, Extensão e Inovações nas Instituições de Ensino de Educação Profissional e Tecnológica no Estado da Bahia. A informação foi recebida pela Reitoria do IFBA por meio de ofício encaminhado pelo deputado Marcelo Nilo, coordenador da bancada da Bahia na Câmara. O valor é composto por recursos das cotas de bancada de oito parlamentares baianos (ver quadro). A bancada da Bahia na Câmara é composta por 39 deputados(as).

 EMENDAS INDIVIDUAIS GARANTEM MAIS R$ 1,6 MILHÃO

Além dos recursos destinados ao IFBA como parte da emenda impositiva da bancada baiana na Câmara, o Instituto Federal da Bahia também receberá aporte financeiro de R$ 1.650.000,00. O valor resulta da soma de recursos de emendas individuais impositivas de quatro parlamentares baianos: Alice Portugal, através de duas emendas individuais (R$ 450 mil), Elmar Nascimento (R$ 600 mil), José Nunes (R$ 500 mil) e Uldurico Júnior (R$ 100 mil).

A reitora do IFBA, Luzia Mota, explica que os recursos vão contribuir para o avanço nas ações e políticas de ensino, pesquisa, extensão e inovação do Instituto.  “A comunidade do IFBA agradece o apoio e o empenho dos deputados e deputadas para garantir recursos para nossa instituição, cuja missão é prestar educação pública gratuita e de qualidade, com inclusão social e fomento ao desenvolvimento local. Ao destinar recursos para o IFBA, nossos parlamentares estão garantindo importantes recursos para a educação na Bahia”, afirma a reitora.

De acordo com Luzia Mota, os recursos recebidos serão destinados a ações de permanência e êxito dos estudantes e irão garantir o início das atividades em seis Centros de Referência do IFBA nos municípios de Camacã, Campo Formoso, Itatim, Jaguaquara, Monte Santo e São Desidério. Os cursos ofertados nesse primeiro momento serão de Formação Inicial e Continuada (FIC), destinados a atender as demandas e anseios educacionais dessas regiões.

A comunidade do IFBA agradece o apoio e o empenho dos deputados e deputadas para garantir recursos para nossa instituição, cuja missão é prestar educação pública gratuita e de qualidade, com inclusão social e fomento ao desenvolvimento local. Ao destinar recursos para o IFBA, nossos parlamentares estão garantindo importantes recursos para a educação na Bahia”.  – Luzia Mota, reitora do IFBA

A reitora sublinha que as ações voltadas ao relacionamento do Instituto com as bancadas do Poder Legislativo – nas esferas federal, estadual e municipal – têm caráter institucional e fazem parte do processo de relações institucionais do IFBA e, portanto, são contínuas. Luzia Mota enfatiza que há ações de relacionamento com as bancadas de parlamentares que que “vão além das emendas”, a exemplo das articulações institucionais em prol de Projetos de Lei e de ações em defesa da educação profissional.

“A relação com o Poder Legislativo, assim como com os demais poderes, é republicana e transparente”, afirma Luzia Mota, ao sublinhar que “manter e estreitar” a interlocução com os agentes públicos são atribuições regimentais dos gestores e das gestoras no processo das relações institucionais do IFBA. Luzia Mota ressalta ainda que, em parceria com o Conselho Nacional das Instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica (Conif), foram realizadas trilhas formativas “para orientar sobre ações de relações institucionais”.

 Na avaliação da reitora, os crescentes resultados obtidos no processo de captação de recursos realizado desde 2020 refletem o reposicionamento do Instituto no contexto da educação baiana. “O IFBA está ocupando um lugar que condiz com sua importância nesse contexto”, diz Luzia Mota.

 HISTÓRICO DE EMENDAS RECEBIDAS PELO IFBA (2020 a 2022)

“AÇÃO PLANEJADA” E CAPTAÇÃO DE RECURSO SEIS VEZES MAIOR

Em março de 2021, a Gestão do IFBA iniciou um levantamento interno de ações e projetos prioritários a serem desenvolvidos em 2022, explica a diretora de Desenvolvimento Institucional, Juliana Mousinho, que à época era pró-reitora de Desenvolvimento Institucional do Instituto. Ela conta que, em paralelo, foram iniciados os contatos com os parlamentares da bancada baiana. “O desafio inicial era apresentar o IFBA e seu potencial transformador na vida das pessoas por meio da Educação”, afirma, ao ressaltar que, de todas as instituições e ações que ocorrem no Estado da Bahia, a bancada federal teria que selecionar “apenas 15” para serem contempladas pelas emendas de bancada. “O IFBA precisava ser incluído! E foi! Conseguimos!”, comemora a diretora da DDI.

Juliana explica que “foi preciso muito trabalho” para assegurar os recursos das emendas parlamentares. Em setembro de 2021, uma comitiva do IFBA, formada pela reitora Luzia Mota esteve em Brasília, o pró-reitor de Ensino, Jancarlos Lapa, a então pró-reitora de Desenvolvimento, Juliana Mousinho e a diretora do campus Santo Amaro, Andrea Amazonas. “A agenda incluiu mais de 15 deputados(as) federais e um senador da República”, detalha Juliana, ao destacar que foram “momentos em que a reitora teve a oportunidade de apresentar o IFBA, potencialidades, capilaridade no estado e os principais projetos”. Outras reuniões foram realizadas nos escritórios dos parlamentares na Bahia.

“Em outubro último, mês de envio das emendas para o PLOA [Projeto de Lei Orçamentária Anual] 2022, estivemos novamente em Brasília reforçando a importância e garantindo a defesa da bancada baiana na defesa do IFBA. Esse estreitamento das relações com a bancada baiana foi o alicerce para os resultados alcançados”, conclui Juliana Mousinho, ao enfatizar que os números traduzem a magnitude dos resultados dessa ação planejada da atual Gestão do IFBA, “coordenada pela reitora Luzia Mota”.

Nas reuniões com os(as) parlamentares, a equipe de gestoras(es) do IFBA apresentou e compartilhou peças de comunicação institucional com informações sobre o Instituto (imagem acima), entre eles um folder sobre o funcionamento dos novos campi em Jaguaquara e Campo Formoso.

Fonte: ascom IFBA

Compartilhar :

Comentar com Facebook

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor digite seu nome aqui