Foto: Divulgação / Fifa

O sonho do hexacampeonato acabou na tarde desta sexta-feira (9). Pela segunda vez consecutiva, o Brasil é eliminado nas quartas de final da Copa do Mundo. Desta vez, o carrasco foi a Croácia, atual vice-campeã mundial. Após empatar em 1 a 1 na prorrogação,  com gols de Neymar e Petkovic, o time Canarinho foi derrotado pelos croatas nos pênaltis por 4 a 2.

Na semifinal, a Croácia vai enfrentar o vencedor do confronto entre Argentina e Holanda, que se enfrentam nesta sexta, às 16h no horário de Brasília, no estádio de Lusail. O jogo que vai definir o finalista será na próxima terça (13), também às 16h e no Lusail.

O JOGO

O primeiro chute a gol foi do Brasil aos quatro minutos com Vinícius Júnior. Ele recebeu na esquerda, puxou para a entrada da área e bateu colocado, mas Livakovic defendeu sem problema.

A Croácia assustou aos 12 minutos. Jogada pela direita, Pasalic cruzou para área. A bola passou primeiro por Juranovic e depois Perisic, que não conseguiram finalizar, desperdiçando boa chance. A seleção europeia continuou na pressão e a Seleção Brasileira errou na saída de bola. Aos 14, Casemiro acabou perdendo a bola para Modric, que desceu do meio para a direita, mas a defesa do time Canarinho conseguiu afastar o perigo.

A resposta do Brasil veio aos 19 e aos 20. Vinícius Júnior fez a jogada pela esquerda, carregou para o meio, tabelou com Richarlison e finalizou na entrada da área, mas desviou na zaga. Na pressão brasileira, Neymar avançou pela esquerda, chegou na entrada da área e bateu para a defesa de Livakovic aos 20. Dois minutos depois foi a vez de Casemiro chegar batendo na ajeitada de Richarlison, mas ela acabou saindo pela linha de fundo.

A Croácia voltou a arriscar com Perisic aos 29 minutos. Ele recebeu lançamento na esquerda, dominou, puxou para o meio e finalizou por cima da trave de Alisson. Três minutos depois, o goleiro brasileiro saiu do gol para cortar uma inversão de bola e afastou o perigo.

Foto: Lucas Figueiredo / CBF

A Seleção Brasileira levou perigo ao 41 minutos com Neymar em cobrança de falta. Vinícius Júnior foi derrubado na quina da área, pelo lado esquerdo, e o camisa 10 bateu direto, parando nas mãos de Livakovic.

Aos 44, Kramaric foi lançado na esquerda, mas Thiago Silva chegou bem na marcação e travou na hora da finalização. No entanto, a arbitragem apontou impedimento do atacante no lance.

Segundo tempo

As duas seleções voltaram dos vestiários com as mesmas formações da primeira etapa.

O Brasil teve duas boas chances nos primeiros dois minutos do recomeço da partida. Primeiro, Richarlison recebeu o cruzamento rasteiro na área e finalizou, mas a bola desviou e Livakovic fez a defesa. Vinícius Júnior recebeu na esquerda, tocou para Neymar. O camisa 10 virou e bateu travado. Na sobra, Vinícius recuperou e sai de cara para o gol, mas acabou chutando em cima do goleiro. Os brasileiros ainda reclamaram der um toque na mão, o VAR foi acionado e o árbitro mandou o jogo seguir.

A Croácia criou boa oportunidade aos sete minutos. Jogada de contra-ataque, Perisic recebeu na esquerda e cruzou na segunda trave. A bola passou por todo mundo e Alisson apenas acompanhou a saída pela linha de fundo. Dois minutos depois, a resposta do Brasil veio com Neymar, que desperdiçou uma chance de ouro. Richarlison dominou e descolou boa enfiada para o camisa 10, que saiu na do gol, mas chutou em cima do goleiro croata.

Aos 20 minutos, Paquetá desperdiçou boa oportunidade para abrir o placar. Jogada de Rodrygo pela esquerda, a bola acabou sobrando para o meia dentro da área, que finalizou e ela bateu no rosto de Livakovic.

A Seleção Brasileira criou outra boa chance aos 30 minutos com Neymar. Nova jogada de Rodrygo, ele toca no meio para Richarlison que ajeita para o camisa 10. Ele bateu de esquerda, mas foi travado por Livakovic que saiu na hora certa para evitar o gol brasileiro. Quatro minutos, o time Canarinho chegou bem novamente. Jogada de em pé, Paquetá chegou batendo firme para a defesa do arqueiro croata em dois tempos. Aos 36, Casemiro cruzou da intermediária e Richarlison desviou de cabeça, mas a bola passou por cima da meta adversária. Depois, foi a vez de Militão chutar travado aos 40 no miolo da área, mas ela acabou indo para fora.

A última tentativa do jogo foi do Brasil. Aos 48 minutos, Antony recebeu pela direita, cortou para o meio e bateu rasteiro, mas o goleiro croata fez a defesa.

Primeiro tempo da prorrogação

No primeiro minuto do tempo extra, Pedro desviou de cabeça, mas Paquetá não alcançou. No minuto seguinte, o time Canarinho pediu pênalti em cima de Antony, que foi derrubado por Sosa, mas o árbitro mandou o jogo seguir. Aos 6, Rodrygo tocou para Danilo que fez o cruzamento, mas defesa croata afastou.

A Croácia chegou bem no ataque em dois lances. O primeiro aconteceu aos 11 minutos com Kovacic, que invadiu a área, mas foi travado por Thiago Silva na hora de cruzar na linha de fundo. No minuto seguinte, Petkovic fez bela jogada pela esquerda, passou por dois marcadores e ajeitou para Brozovic, que bateu de primeira, mas mandou bem por cima da meta defendida por Alisson.

Neymar abre o placar com um golaço
No apagar das luzes do primeiro tempo da prorrogação, a estrela de Neymar brilhou e o Brasil abriu o placar aos 15 minutos. O camisa 10 tabelou com Rodrygo, depois com Paquetá e recebeu dentro da área. Ele driblou Livakovic e estufou as redes. Croácia 0x1 Brasil

Foto: Divulgação / Fifa

Segundo tempo da prorrogação

Em desvantagem no placar, a Croácia tomou a iniciativa. Aos três minutos, Perisic avançou pela esquerda e cruzou com perigo, mas a bola passou por todo mundo. Quatro minutos depois, o mesmo atacante croata tentou passar por Antony, mas acabou desarmado.

Croácia empata
A Croácia chegou ao empate aos 11 minutos com Petkovic. Modric tocou no meio-campo para Vlasic, que abriu na esquerda com Orsic. Ele cruzou rasteiro e o camisa 16 chutou de primeira. A bola ainda desviou em Marquinhos e entrou no canto direito de Alisson. Croácia 1×1 Brasil

Foto: Divulgação / Fifa

No último lance da prorrogação, Livakovic fez defendeu a finalização de Casemiro aos 16 minutos.

Pênaltis

O Brasil marcou com Casemiro e Pedro, mas perdeu com Rodrygo e Marquinhos. Enquanto a Croácia converteu com Vlasic, Majer, Modric e Orsic.

Foto: Divulgação / Fifa

FICHA TÉCNICA
Croácia 1×1 Brasil (Pênaltis: 4×2)
Copa do Mundo – quartas de final

Local: Education City Stadium (Doha, Catar)
Data: 09/12/2022
Horário: 12h (Brasília)
Árbitro: Michael Oliver (ING)
Assistentes: Stuart Burt e Gary Beswick (ambos da ING)
Quarto assistente: Mustapha Ghorbal (AGL)
VAR: Pol Van Boekel (HOL)

Cartões amarelos: Danilo, Casemiro, Marquinhos (Brasil) / Brozovic, Petkovic (Croácia)

Gols: Neymar (Brasil) / Petkovic (Croácia)

Croácia: Dominik Livakovic; Josip Juranovic, Dejan Lovren, Josko Gvardiol e Borna Sosa (Ante Budimir); Marcelo Brozovic (Mislav Orsic), Luka Modric, Mateo Kovacic (Lovro Majer), Ivan Perisic e Mario Pasalic (Nikola Vlasic); Andrej Kramaric (Bruno Petkovic). Técnico: Zlatko Dalic.

Brasil: Alisson; Éder Militão (Alex Sandro), Thiago Silva, Marquinhos, Danilo; Casemiro e Lucas Paquetá (Fred); Neymar, Vinícius Júnior (Rodrygo), Raphinha (Antony) e Richarlison (Pedro). Técnico: Tite.

 

Bahia Notícias

Compartilhar :

Comentar com Facebook

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor digite seu nome aqui