A intoxicação alimentar que afetou pelo menos 400 pessoas em Jacobina, entre professores e clientes do restaurante Dantas, localizado na Praça 2 de Julho, no centro, provocou a morte de uma mulher. Neuraci Jesus dos Santos, 48 anos, era moradora do bairro Mutirão e faleceu nesta terça-feira (14/2) no Hospital Roberto Santos, em Salvador.
Segundo informações colhidas pelo Jacobina Notícias com uma amiga da família, pouco depois de Neuraci apresentar os sintomas da intoxicação alimentar, ela deu entrada na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) diversas vezes.
Uma campanha solidária para ajudá-la no tratamento foi realizada. No entanto, Neuraci não apresentou melhoras e precisou ser transferida para Salvador.

“Tinha dias que ela gritava tanto de dor “- contou uma vizinha ao Jacobina Notícias.

O quadro de saúde de Neuraci piorou drasticamente e ela teve que amputar as duas pernas no Hospital Roberto Santos. Já muito debilitada, ela não resistiu e faleceu.
Salmonella
Amostras coletadas pela Prefeitura de Jacobina e enviadas ao Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen), em Salvador, apresentaram Salmonella. A bactéria que causou todas as complicações que levaram Neuraci à morte estava presente nos alimentos do restaurante servidos aos clientes e no buffet fornecido pelo mesmo estabelecimento a Secretaria de Educação, para ser servido durante a Jornada Pedagógica.
A Vigilância Sanitária interditou o restaurante após o episódio. Em nota, a Prefeitura de Jacobina disse que “todas as medidas administrativas estão sendo realizadas para apurar as responsabilidades conforme as orientações legais vigentes”.
Por Robson Guedes / Jacobina Notícias
Compartilhar :

Comentar com Facebook

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor digite seu nome aqui